Voltar atrás
 

CONCENTRAÇÃO DE POMBOS TRÁGICA

Devido à morte do conhecido pombo Raúl Super-Pombo, Campeão de Columbófilia das Berlengas, vários pombos concentraram-se em protesto, mas esqueceram-se de avisar as autoridades portuguesas e a tragédia aconteceu.

 
 

A concentração de pombos no aeroporto da Portela em Lisboa (Portugal), organizada pela APUB (Associação de Pombos Urbanos das Berlengas), como forma de protesto aos terríveis acontecimentos que ditaram a trágica morte de Raúl Super-Pombo, campeão de columbófilia das Berlengas, terminou numa desgraça ainda maior.

As autoridades portuguesas que não foram devidamente informadas do protesto, não impediram que os aviões continuassem a aterrar no aeroporto da Portela, o que resultou num verdadeiro massacre de pombos.

Uma testemunha ocular da tragédia, refere que "foi uma verdadeira chacina. Era ver os aviões a aterrar e penas de pombos por todos os lados. Nunca me irei esquecer. Quando cheguei a casa, descobri a cabeça dum pombo no bolso do meu casaco. Julgo que era um dirigente da APUB", referiu a testemunha.

Outra testemunha, extremamente abalada, afirma ter visto famílias inteiras de pombos a serem atropeladas pelas rodas dos vários aviões que aterravam na pista do aeroporto da capital portuguesa.

O Governo das Berlengas e a APUB, vão fazer todos os esforços para que as Nações Unidas castiguem Portugal por este "acto bárbaro e desopombo, desrespeitador da liberdade de expressão e dos direitos dos cidadãos e animais", como referiu Túlio Bastião, 1º ministro das Berlengas.

Devido a esta enorme tragédia, a APUB, decidiu cancelar os Campeonatos Reginais de Columbófilia, previstos para esta semana.
 
  Esta página foi visionada pelo Gabinete de Leituras Aconselhadas (GLA), presidida pelo ilustre Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, benfeitor do país e da humanidade.
 
 
Publicidade das Berlengas
Cabeça de Pescada © - Todos os direitos reservados