Voltar atrás
 

ROTUNDAS COM FONTE SIMBOLIZAM PROGRESSO

O Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, inaugurou uma rotunda com uma fonte, em cada cidade das Berlengas, "sinónimo de progresso e evolução do nível de vida de qualquer país"...

 
 

Cada cidade das Berlengas, passou a ter uma rotunda com uma fonte ao centro, o que para o Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, "é sinónimo de progresso e evolução do nível de vida de qualquer país".

Satisfeito com as rotundas que inaugurou, o Presidente das Berlengas, afirmou que as mesmas "eram obras fundamentais para o progresso das cidades das Berlengas" e que "com as fontes a funcionarem, os cidadãos menos ricos das Berlengas, agora já podem tomar banho mais vezes".

Inspirado na moda portuguesa de haver uma rotunda com uma fonte em qualquer terra portuguesa, o Presidente das Berlengas, orgulha-se de "ter sido no meu curto mandato como Presidente, que termina em 2050, que se construíu nas Berlengas a maior rotunda do mundo, uma obra essencial para a vida dos habitantes de Santa Goma Dão".

De forma a que as rotundas e as fontes pudessem ser construídas, "o Governo teve que abdicar da construção de alguns luxuosos empreendimentos sociais feitos em canoas, que visavam dar guarida a algumas famílias das Berlengas menos ricas", mas segundo o Presidente e 1º Ministro Doutor Goma, "o povo entende que existem prioridades no progresso de qualquer nação".

No entanto, e como referiu o Presidente, "existem vários quartos disponíveis nas prisões das Berlengas. Qualquer cidadão insatisfeito, só tem que fazer a sua reclamação a qualquer agente da Polícia de Segurança da Nação".
 
  Esta página foi visionada pelo Gabinete de Leituras Aconselhadas (GLA), presidida pelo ilustre Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, benfeitor do país e da humanidade.
 
 
Publicidade das Berlengas
Cabeça de Pescada © - Todos os direitos reservados