Voltar atrás
 

SCOUTS VÃO PAGAR PORTAGENS

Os escuteiros das Berlengas, conhecidos na língua inglesa como Scouts of Berlengas, vão passar a pagar portagens nas caminhadas que fizerem pelo território das Berlengas. O objectivo desta medida, é acabar com benefícios fiscais...

 
 

Segundo um despacho do Governo das Berlengas, os Scouts de todo o mundo que andarem pelos caminhos de cabras das Berlengas, terão que pagar portagens.

Para o 1º ministro e também Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, "essas criancinhas vestidas de imbecis que se passeiam acompanhadas por um imbecil vestido de menino, nas suas caminhadas danificam os nossos excelentes e modernos caminhos de cabras, pelo que havia que fazer qualquer coisa para proteger o património do país".

Doutor António da Silva Goma, adianta ainda, que os escuteiros "fartam-se de ganhar dinheiro com a venda de rifas e autocolantes, tudo actividades não tributadas, pelo que decidi acabar com o que considero uma injustiça fiscal para com os outros cidadãos e turistas das Berlengas".

"É o princípio do pagador-pagador a ser colocado em prática", afirmou o excelentíssimo Doutor António da Silva Goma, que no entanto, adiantou que "vão passar a haver reduções e isenções fiscais para quem tiver as botas rotas".

Ainda no que se refere a pagamentos nas vias rodoviárias, o Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, inaugurou as portagens da futura auto-estrada das Berlengas, tendo sido desde já implementado o moderno sistema de Não Utilizador-Pagador.
 
  Esta página foi visionada pelo Gabinete de Leituras Aconselhadas (GLA), presidida pelo ilustre Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, benfeitor do país e da humanidade.
 
 
Publicidade das Berlengas
Cabeça de Pescada © - Todos os direitos reservados