Voltar atrás
 

FGAD QUER SER OUVIDA NO PARLAMENTO

A Fundação Gosto de Algo Diferente, apresentou uma petição para ser ouvida no Parlamento das Berlengas, o que pode obrigar à criação de uma empresa de limpezas estatal, devido ao hemiciclo não ser utilizado há quase 3 anos...

 
 

A Fundação Gosto de Algo Diferente (FGAD), que defende a legalização do casamento de homens com animais e objectos, mas que exclui as mulheres por considerá-las um objecto essencial para a limpeza das casas do país, apresentou uma petição para levar este assunto a discussão na Assembleia das Berlengas.

Segundo os membros da FGAD, "há pessoas que amam animais e as bonecas insufláveis também acabam por ter personalidade, pelo que consideramos que é urgente fazer-se justiça para que os valores de igualdade que defendemos, sejam postos em prática".

Os membros da FGAD, que já tinham tentado entregar a petição anteriormente (na altura recusaram-se a entregá-la à secretária do Presidente, por a considerarem incapaz de exercer tal tarefa), aguardam a resposta do Presidente nas excelentes instalações penitenciárias das Berlengas.

Para o porta-voz da presidência das Berlengas, "o Presidente demonstrou algum apreço pelos valores dos membros da FGAD, pois ele próprio tem um caniche que estima muito, mas neste momento existe um grande problema, que é o facto da Assembleia não ser utilizada há quase 3 anos" (altura em que o Presidente Goma passou a ser o único deputado), "pelo que deverá ser necessário criar uma empresa de limpezas, para se poder debater a questão".

Ainda segundo o porta-voz da presidência, "o Presidente Goma já ofereceu os serviços da sua empresa particular de limpeza por poucos Berlindes, e caso a sua proposta seja aceite pelo Parlamento, esta poderá fazer com que o Estado poupe algum dinheiro".

 
  Esta página foi visionada pelo Gabinete de Leituras Aconselhadas (GLA), presidida pelo ilustre Presidente das Berlengas, Doutor António da Silva Goma, benfeitor do país e da humanidade.
 
 
Publicidade das Berlengas
Cabeça de Pescada © - Todos os direitos reservados