Voltar atrás
 

Discursos do ilustre e estimado Presidente das Berlengas
DOUTOR ANTÓNIO DA SILVA GOMA

DISCURSO 11

 
 

UM MINISTRO PARA O LUGAR CERTO


Numa altura em que temos um novo ministro das Finanças, um homem da minha confiança, o Dr. Aldrabão Feliz, achei por bem explicar à nação as razões da minha escolha. Não foi uma escolha fácil, nem tão pouco foi uma escolha muito difícil, como também não foi uma escolha mais ou menos fácil.

Os afazeres domésticos da minha mulher,a excelentíssima Manuela da Silva Goma, levaram a que esta se tenha visto obrigada a abandonar o cargo de ministra das Finanças, que tão bem desempenhou.

Pensei em oferecer o cargo ao meu neto José António, mas infelizmente, este ainda se encontra na 1ª classe, pelo que não sabe ainda a tabuada, o que poderia ser prejudicial para as contas do país. Não duvido, de forma alguma, que ele fosse capaz de desempenhar o cargo com distinção, mas achei por bem, aguardar que ele tenha mais alguns conhecimentos sobre matemática.

Quanto ao Dr. Aldrabão Feliz, é um homem com provas dadas a tirar cafés no meu gabinete. Escolhi-o para novo ministro das Finanças, por ser o homem certo para o cargo. Ele gosta de comer, dormir e ver televisão. Só um homem com estas características, poderia assumir as dificuldades dum cargo como a pasta das Finanças. Um homem relaxado como o Dr. Aldrabão Feliz, continuará a fazer funcionar correctamente todos os assuntos financeiros das Berlengas.

Quando se entra numa repartição das Finanças em qualquer ponto das Berlengas, com o intuito de autenticar, reconhecer ou aprovar determinado papel, o cidadão das Berlengas, sabe que vai estar numa agradável fila durante duas horas até ser atendido (situação que promove o relacionamento entre os habitantes do país).

Ao entregar o papel ao funcionário das Finanças, o cidadão das Berlengas, sabe que só vai estar à espera 8 dias. Oito dias depois, o cidadão das Berlengas regressa à repartição e aguarda durante mais duas agradáveis horas que utiliza para conversar com os seus conterrâneos.

Quando sai da repartição de Finanças, o cidadão das Berlengas repara que já tem um carimbo e uma assinatura no papel que entregou há oito dias. Ora, há que concordar, que colocar um carimbo e assinar um papel, entre muitos outros, não é tarefa fácil, o que é mais uma razão para os 8 dias de espera. Um excelente exemplo do exemplar funcionamento dos nossos serviços administrativos e que, modéstia à parte, foi por mim idealizado, graças à minha experiência de vida por esse mundo.

Com este excelente sistema burocrático, que volto a referir, foi idealizado por mim, o vosso amado Presidente, tinha obrigatoriamente que colocar como responsável do Ministério das Finanças, um homem que se adequasse a estas características activas e dinâmicas. Para um melhor desenvolvimento sócio-económico das Berlengas, Ministério e ministro, devem executar as suas funções à mesma velocidade. Num último ponto de vista, alterar os hábitos dos cidadãos das Berlengas, seria um crime cultural e cívico.

Para manter a cultura e tradição dos serviços financeiros das Berlengas, era necessária a nomeação dum homem com qualidades similares ao Ministério, daí, a escolha do Dr. Aldrabão Feliz para ocupar o cargo de Ministro das Finanças, um homem que para além de todas estas qualidades, sabe que todas as grandes decisões passam pelo seu Presidente.

Só assim, será possível continuar a desenvolver as Berlengas!


Doutor António da Silva Goma - Presidente das Berlengas
 
 
Publicidade das Berlengas
Cabeça de Pescada © - Todos os direitos reservados